Fale com o governo

Brasília recebe festival internacional de teatro até 3 de setembro

Começa nesta terça-feira (22) o Festival Internacional de Teatro Cena Contemporânea. A programação, que vai até 3 de setembro, prevê 22 espetáculos, cinco internacionais, oito produzidos em quatro estados brasileiros (BA, MG, RJ e SP) e nove encenações brasilienses.

A 18ª edição passará pelas seguintes regiões administrativas: Ceilândia, Estrutural, Gama, Planaltina, Plano Piloto, Samambaia e Taguatinga.

O evento contou com o apoio do Fundo de Apoio à Cultura (FAC), no valor de R$ 399.099, e da Lei de Incentivo à Cultura (LIC), com R$ 700 mil.

A programação de 2017 enfoca temas como tolerância, liberdade e respeito às diferenças. A encenação sul-africana Black Off, por exemplo, aborda o pensamento racista como construção histórica.

Também serão apresentadas produções da Espanha, da Colômbia e da França.

Poéticas Urbanas mistura teatro e performance

O grupo brasiliense Andaime Cia. de Teatro abrirá o festival com o espetáculo de rua Poéticas Urbanas. A performance poderá ser vista na terça-feira (22), ao meio-dia, na Praça do Shopping Conjunto Nacional.

Premiada em 2016 no Prêmio Sesc do Teatro Candango, a montagem foi contemplada com o Fundo de Apoio à Cultura (FAC) em 2010.

A obra mistura teatro e performance e trata de amor nos tempos virtuais e da distância entre os corpos e a falta de afeto.

De acordo com o diretor de teatro Roustang Carrilho, a companhia trabalha com intervenção urbana e, com esse espetáculo, propõe atravessar a cidade e tocar os espectadores. “A gente gosta de estar próximo das pessoas comuns.”

Para Carrilho, estar na programação do Cena Contemporânea representa um reconhecimento do trabalho da companhia que existe há dez anos e já se apresentou em festivais no Rio de Janeiro, em Minas Gerais, na Bahia e em Portugal.

O público infantil terá uma mostra especial: o Festival Primeiro Olhar — Festival Internacional de Teatro para a Primeira Infância. As exibições serão aos sábados e domingos, no Auditório I do Museu Nacional, no Conjunto Cultural da República.

Veja a programação completa no site do Cena Contemporânea.

Mapa do Site Dúvidas frequentes Comunicar erros